sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Mergulhando na Palavra - Juízes: Aula 09


Juízes – Aula 09


1-    Juízes 13.24. Sansão (Hb. Shimshon, “semelhante ao sol” ou “pequeno sol”). Se relaciona ao termo shamash (“servo”), por isso, pode significar também “pequeno servo”.
2-    Todavia, o nome Sansão (Shimshon) também se relaciona com a palavra shammah, que significa “destruir”, “desolar”.
3-     Este era o ministério para o qual Sansão foi chamado: destruir o filisteus, ou seja, “desfazer (Gr. luo) as obras do inimigo” (1 João 3.8).
4-    Por isso, era necessário que ele fosse nazireu.
5-    Lei do Nazireu – Números 6.1-21.
6-    Nazireu (Hb. Nazir, “consagrado”, “separado”, “príncipe”). Vem da palavra nazar, que significa “abster-se”, pois o nazireu se abstinha de comidas, bebidas e coisas impuras.
7-    Também se relaciona como termo nezer, que significa “coroa” (além de keter). Isso porque o cabelo do nazireu era símbolo de sua consagração a Deus.
8-    Juízes 13.5. Em hebraico, a palavra “navalha” (morah) se relaciona ao termo “rebelião”. Ou seja, quando o Anjo disse que sobre a cabeça de Sansão não deveria passar navalha (morah), ele estava anunciando que, enquanto mantivesse seu cabelo e não se rebelasse contra as leis de Deus, nenhuma fraqueza viria sobre ele.
9-       Juízes 13.5. Livrar (Hb. yasha’, quase que o nome de Jesus, yehoshua’).
10-                       Cap.14. Sansão era um homem impulsivo e violento. Seus inimigos, os filisteus, também eram violentos e cruéis (15.6).
11-                     Mas em tudo aquilo, a vontade de Deus estava sendo feita (14.4), para que o Senhor pudesse livrar seus povo dos filisteus.
12-                     Sansão começa seu ministério (“destruir os filisteus”) em Timna (Hb. timnah, “porção”, relacionado a Manah, “enumerar”, e a min, “contar”). Ou seja, Timna era local de “prestar conta” de toda a maldade que os filisteus haviam feito com Israel.
13-                     Juízes 14.5. O inimigo estava furioso com Sansão, pois este estava prestes a causar um grande estrago no reino das trevas.
14-                     Segundo a lei dos nazireus, Sansão nunca poderia ter passado perto de uma plantação de uva.
15-                     Depois dessa brecha, satanás arma uma ocasião favorável para atacá-lo.   
16-                     “Chegando às vinhas de Timna” (vayabo’u ‘adh karmey timnatah), ou seja, “chegando ao testemunho das vinhas de Timna”.
17-                     As vinhas testemunharam a imprudência de Sansão, cujo erro permitiu que o leão o atacasse daquela maneira.
18-                     Este foi o primeiro deslize de Sansão, sua primeira grande afronta e a primeira vez que Deus levou em consideração seu erro.
19-                      Juízes 14.8. Sansão saiu da estrada, ou seja, se desviou de seu caminho.
20-                     Enxame (Hb. ‘adath). Pode significar “passou” (como em Daniel 4.31).  
21-                     Ou seja, neste momento, Sansão ultrapassou a linha, passou além do limite da santidade. Mas Deus teve misericórdia com ele, pois, como está escrito, “as misericórdias do Senhor são a causa de nós não sermos consumidos”.
22-                     Juízes 15.16. “Jumento” (chamor). “Montões” (chamorah).

2 comentários:

  1. Paz Daniel, não achei a aula oito, provavelmente sobre Jefté, tem como disponibilizar por favor
    ótimo trabalho

    fique com Deus

    ResponderExcluir
  2. Paz do Senhor, estou seguindo o estudo, onde esta a aula 8 de Juizes...por favor...
    Deus continue abençoando sua vida...

    ResponderExcluir